A Coragem Interior

Tomar decisões pode ser uma tarefa desafiadora. Muitas vezes, deparamo-nos com escolhas difíceis que afetam diretamente as nossas vidas e o caminho que seguimos. Por isso, ter a capacidade de

Partilhar
A Sinfonia da Desilusão

A desilusão é uma emoção forte e que é vivida por todos várias vezes ao longo da vida. É uma mensagem clara de que algo não correu como esperado e

Partilhar
As Dores de Crescimento

A vida é um constante processo de crescimento e evolução. Ao longo da nossa caminhada, enfrentamos desafios e adversidades que nos fazem crescer e nos tornar pessoas melhores. Muitas vezes,

Partilhar
Pequenos fragmentos

Existe esta enorme tendência de nos mostrarmos aos outros como maravilhosos, sábios, cheios de vida, adequados e com vidas perfeitas. A esperança (por vezes inconsciente) é que nos amem, nos

Partilhar
Desfruta a viagem

Seguirmos o nosso sonho não é mais que a atitude mais íntegra (e, no entanto, mais fácil) que temos de tomar durante a nossa vida. Todos, ou muitos, estão preocupados

Partilhar
As peças que perdemos e as que achamos

Ganhos e perdas, é disto que a vida é feita. Por esta montanha em que todos escalamos, vamos perdendo e encontrando peças, algumas que nos deixam vazios insubstituíveis, outras que

Partilhar
A arte de observar

Dizem os especialistas que 90% dos nossos problemas são criados pelos nossos pensamentos. Nesse caso, se só nos restam 10% de problemas reais, temos todas as condições para sermos imensamente

Partilhar
Tudo acabará em nós

A imaterialidade da vida, o essencial dela, obedece a desígnios (leis) que ultrapassam qualquer linha de entendimento. O essencial passa, portanto, por sermos felizes como um todo — colectivo e

Partilhar
A magia de acreditar

Hoje em dia, estamos perante uma crise de identidade humana. Vivemos nos nossos ecrãs, não abrimos espaço aos nossos bonitos horizontes – uma boa conversa de café já não preenche

Partilhar
Pelo Tempo da Felicidade

Quem não gostaria de agarrar o tempo com as mãos? Aquele breve instante que, se morrêssemos naquele preciso momento, não importaria, porque tudo fazia sentido. Morreríamos felizes. Afirma-se que o

Partilhar